Para revelar aspectos do cotidiano dos surdos a trama gira em torno de um rapaz que sonha ser fotógrafo e se depara com o preconceito pelo fato de ser surdo. O pai dele vê na aposentadoria a solução para a rejeição constante do mercado de trabalho. No apoio da namorada e dos amigos, ele encontra forças para seguir em frente. E na captura de um instante, o jovem fotógrafo tem a chance de poder ir cada vez mais longe em busca de seus ideais.

Ficção e realidade se misturam em diálogos na Língua  Brasileira De Sinais – LIBRAS. A legenda é mantida  como elemento Necessário à compreensão do vídeo pelos ouvintes, fazendo com que eles percebam a necessidade da inclusão social.  O filme foi lançado no Centro de Educação Profissional Senador Jessé Pinto Freire (CENEP), em Natal, no dia 29 de janeiro de 2008.

 

 

Realização

 

 

Patrocínio

 

 

Ficha Técnica

ARGUMENTO: George Diniz

ROTEIRO: Edileusa Martins DIREÇÃO: João Rodrigo Costa 
ASSISTENTE DE DIREÇÃO: Bruna Mara Wanderley

PRODUÇÃO: Albery Lúcio;  Bruna Mara Wanderley

ASSISTENTE DE PRODUÇÃO: Érica Lima

DIREÇÃO DE FOTOGRAFIA: Alexandre Santos 
OP. DE CÂMERA: Alexandre Santos; Edileusa Martins

ILUMINAÇÃO: Albery Lúcio 
SOM DIRETO: Érica Lima

EDIÇÃO DE ÁUDIO: Alexandre Santos

LOCAÇÕES: Albery Lúcio;  Bruna Mara Wanderley

MAQUIAGEM E STYLE: Bruna Mara Wanderley

PREPARAÇÃO DE ATORES: Bruna Mara Wanderley; João Rodrigo Costa

CONTINUÍSTA:  Érica Lima

STILL / MAKING OFF: Dayana Oliveira; Fernanda Gurgel TRILHA SONORA: Dj André Maia / Surdodum

EDIÇÃO/FINALIZAÇÃO: Edileusa Martins

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO: Albery Lúcio;  Ana Lúcia Gomes  CONSULTORIA: Maria Helena Malta

INTÉRPRETE DE LIBRAS: Alane Lobato Da Silva

DESIGN GRÁFICO: Jeferson Rocha

 

 

Sinopse

 

 

Apoio